A exposição principal do Centro Ciência Viva de Lagos, “Do Astrolábio ao GPS”, trata dos Descobrimentos e da Navegação.

Afinal, foi de Lagos que partiram muitas caravelas em direção a terras desconhecidas. Mas, se pensam que vão encontrar um espaço de personalidade nostálgica, sempre a olhar para trás, desenganem-se. Apesar do Centro ter uma queda assumida pelo passado – às vezes entusiasma-se e, quando damos por nós, já viajámos milhões de anos –, é um espaço muito à frente!

Apesar das exposições se dedicarem aos Descobrimentos, o Centro tem uma certa inclinação para as modernices. Na Oficina Dóing, encontram uma impressora e canetas 3D, robôs e uma arena para a realização de reações em cadeia, para além dos drones na piscina e pelo ar ou outros robôs.

 

Sala Bem-Vindo a Bordo

Logo à entrada da exposição há um livro digital que conta a história dos Descobrimentos. Não só há muita ciência para explorar nas descobertas portuguesas, como também elas trouxeram um grande contributo para a forma de pensar da altura. Foram os portugueses que mostraram ao mundo que não existiam monstros marinhos, que as águas dos trópicos não ferviam e que os mares eram navegáveis e não tinham fim. No Centro Ciência Viva de Lagos vão pôr-se na pele de um navegador português. Muito antes dos telemóveis com localização por GPS, as estrelas era tudo o que havia para se orientarem no oceano. Os navegadores não se faziam ao mar sem levar os quadrantes e astrolábios, que lhes permitiam determinar a latitude a partir das estrelas. Aqui no Centro, vão aprender a utilizá-los.

Quem é o primeiro a chegar à Índia? No jogo interativo, planeiem a vossa viagem, escolhendo no mapa-mundo os pontos por onde querem passar. Atenção: o caminho mais rápido nem sempre é o mais curto! Tudo depende dos ventos.

Uma pista: lembrem-se que foi durante uma viagem à Índia que descobrimos acidentalmente o Brasil.

 

Sala Comunicação a Bordo

Se forem um grupo com quatro ou mais pessoas, dividam-se em equipas de dois. Cada equipa tem que comunicar e descodificar o mais rapidamente possível uma palavra de cinco letras, utilizando o código semafórico. Um cronómetro ajuda a comparar os resultados. Quem o fizer em menos tempo, ganha!

 

Sala Vida a Bordo

A bordo de uma embarcação, é fundamental saber amarrar os cabos convenientemente. Há vários tipos de nós apropriados para os diversos fins. No Centro, podem treinar a vossa destreza nas artes da amarração. Mas vale mesmo a pena pedir ajuda a um monitor, porque as demonstrações podem transformam-se em verdadeiros espetáculos de ilusionismo, com nós a desaparecer com um sopro e exercícios de fuga que envolvem algemas de corda, tal qual um verdadeiro Houdini.

 

Sala do Submarino

 

Jardim do Farol

A visita ao Centro não fica completa sem passarem pelo Jardim do Farol, onde há uma torre por construir e um farol por manter aceso, uma tarefa que parece nunca mais acabar.

 

Jardim do Barco

Finalmente, no Jardim do Barco podem refrescar-se no tanque, fazendo soprar o vento nas velas de pequenas caravelas para as pôr a navegar à bolina. E também há uma réplica de caravela em tamanho gigante onde a arca de um tesouro espera por ser aberta apenas por quem conseguir olhar para lá do óbvio.

 

Localização

Rua Dr. Faria e Silva 34
8600-734 Lagos

Horários

Ter-Dom 10:00h - 18:00h
Segunda-feira Fechado
Encerrado nos dias 24, 25 e 31 de Dezembro, e 1 de Janeiro.

Social